sábado, 3 de novembro de 2012

A VIOLÊNCIA NÃO É NORMAL.




Até quando vamos encarar a violência como algo normal? 

É certo que o ser humano se habitua a tudo, mas, tratar a violência como normal, não podemos admitir, Vossa Excelência Presidenta Dilma o que acha? 

Como é de conhecimento de todos, conforme está sendo divulgado diariamente pela mídia televisada, falada e escrita, nos últimos dias estamos assistindo em São Paulo a uma reprise dos ataques do crime organizado ocorridos no ano de 2006. Hoje, seis anos depois, mais uma vez estamos sendo atacados, Agentes de Segurança e sociedade. Agora, de forma mais violenta, mais intensa e mais constante ainda. A violência não é normal. 

E é exatamente neste ponto que quero tocar, e de forma mais contundente, persistentemente fazer mais um novo apelo ao Congresso Nacional, a todo Ministério da Justiça e a Excelentíssima Senhora Presidenta Dilma para nos ajudar, agentes da segurança pública e ao povo brasileiro, acelerando a aprovação das leis que regulamentariam de maneira mais rápida este novo modelo de Policia Municipal que são as Guardas Municipais. 

Os municípios já iniciaram este trabalho de regulamentação pelas suas respectivas casas de leis, câmaras de vereadores, conforme lhes permite o art. 30 da CF/88, que trata dos direitos dos municípios em legislar sobre assuntos de interesse local, permitindo assim dar uma resposta rápida aos munícipes, atendendo o clamor do povo por mais segurança pública.

Esta iniciativa está no rumo certo, porém, muito demorado, afinal temos cerca de 5565 municípios no Brasil, dentre eles, 1200 cidades possui sua Guarda Municipal. Se o governo executivo federal intervier junto ao Congresso Nacional, aprovando as leis (PEC 534/02 e PL 1332) já em discussão, com certeza, o Brasil avançaria nas políticas públicas de segurança e o povo brasileiro teria um pouco mais de paz. 

Esta forma de tratar o assunto por mim, com esta convicção, parte da razão pela qual as Guardas Municipais têm comprovado sua eficiência e aprovação já aceita, aprovada e sacramentada pelo povo, conforme se constata nas cidades onde a Guarda Municipal já executa o trabalho policial. (Ver trabalho de pesquisa apresentado no Congresso Nacional, na III Marcha Azul Marinho e III Seminário Nacional de Guardas Municipais e Segurança Pública, 2011, pela primeira turma de Pós Graduados em Segurança Pública e Comandos de Guardas Municipais, da Méritus de Campinas, conveniada à Phenix de Brasília). Outra certeza que me faz escrever e agir assim é que em meados do ano de 2004 fui vítima desta famigerada violência que tirou do meu convívio familiar, meus adorados filhos, já criados e educados, todos os três assassinados de forma brutal, um foi alvejado por oito tiros, o segundo por dois tiros e o terceiro com um tiro. A violência não é normal.
                                                                                                
Esta tragédia poderia ter me enlouquecido, mas Deus me deu forças para reagir e mesmo me sentindo extremamente massacrado pela violência, e pertencente a uma instituição policial, como Agente da Segurança Pública, senti a dor de um pai sem a herança de sua continuidade, a dor da perda!      

A violência não é normal. 

Percebi a necessidade urgente de mudanças radicais nas políticas atuais de segurança pública. A obrigatoriedade da transformação, não só no município em que resido, mas no estado de São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, enfim, em todo o Brasil. Não podemos admitir que este modelo retrógrado e ultrapassado permaneça.

Necessitamos, Vossa Excelência Presidenta Dilma, de uma nova metodologia na segurança pública, aplicada de forma ousada, em caráter emergencial para as policias atuais e a consolidação das Guardas Municipais na luta contra a violência, priorizando a valorização do ser humano e sua família. Esta fala é reforçada pelo especialista em Segurança Pública Luiz Melhado em um encontro com Observatórios da Segurança Pública da Região Metropolitana de Campinas onde deixa claro sua sugestão para estas mudanças acontecerem: 

“Os municípios são os entes federativos mais indicados para diagnosticar e gerenciar políticas de segurança, pois têm condições de identificar, planejar e desenvolver diversas ações. Só aumentar o efetivo policial não aumenta a segurança”, afirmou Melhado enfatizando que as políticas de segurança devem se antecipar aos fatos.

Ainda, o mesmo especialista, mais uma vez critica o atual sistema de segurança pública no momento de uma entrevista pelo jornal da TVT, no programa Seu Jornal, apresentado pelo jornalista Carlos Ribeiro, momento em que deixa claro o acordo do governo com o crime organizado e a quebra deste acordo. Causando assim, o maior numero de mortes de Agentes da Segurança Pública dos últimos tempos. Neste mesmo noticiário o Padre Valdiran Ferreira, Líder Comunitário na periferia de São Paulo, no bairro da Brasilândia, orienta os jovens a não saírem de suas casas no período da noite, alertando sobre o grande e surpreendente numero de jovens que perderão suas vidas.
A violência não é normal.

Diante de tanta violência é que peço a Presidenta da nação brasileira, Vossa Excelentíssima Senhora Presidenta Dilma Roussef mais carinho com a segurança pública, o país tem crescido muito, tem apresentado grandes índices de desenvolvimento, mas ainda não apresentou crescimento nesta área, um país sem segurança em breve limitará sua grandeza, necessitamos de sua ajuda e de todas as autoridades envolvidas neste pleito, e assim juntos possamos promover esta mudança. Não é por que um país não tem uma policia municipal que nós não possamos criar, precisamos avançar neste seguimento. Somente as Guardas Municipais podem apresentar uma mudança na prática, chega de medidas paliativas, chega de teorias, necessitamos de uma nova filosofia de tratamento nas policias do Brasil, que esqueceram completamente da prevenção, algo que as Guardas Municipais têm na sua essência.

Para finalizar, sabe a dor que sinto pela perda de meus filhos? 

Vou contar; 

Imagine uma pessoa frente a frente com a gente, olhando bem no fundo dos olhos, aí, esta pessoa inseri a mão dentro do seu peito, pega seu coração e aperta com tanta força, arrancando tudo, mas em vez de morrer, permanecemos vivos, sentindo muita dor. É isso que sinto, todas as tardes quando me lembro de meus filhos, não queiram sentir esta dor, é horrível! 

A violência não é normal. 

Ajude-nos, precisamos reagir, sei que vamos conseguir esta vitória que será de todos.

Violência requer prevenção, Guardas Municipais, Já!

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Palestra com o Dr. Ezequiel Edson de Faria.

hoje dia 17/09/2012,  Guardas Municipais de São Carlos-SP estiveram presentes na cidade de Araraquara-SP,na palestra do Dr. Ezequiel Edson de Faria, Presidente da ABRAGUARDAS e CD da Guarda Civil Metropolitana. Uma excelente oportunidade para ampliarmos nosso conhecimento e tornar cada vez mais possível nossos objetivos.
Quero agradecer aos amigos da Guarda Municipal de Araraquara que como sempre nos recebe muito bem, revimos alguns amigos que fizemos em nossa jornada rumo a Brasília-DF, muito bom para manter esta interatividade entre as guardas da nossa região, como Araraquara e matão.
Agradecer aos GMs que participaram da Palestra, que tenho certeza que foi muito proveitoso.
Seguem as fotos do evento.




 

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Governo federal vai investir R$ 1 milhão na GM de São José dos Pinhais




Os investimentos são nos equipamentos, nas roupas entre outros Foto: Silvio Ramos
O governo federal informou que irá aplicar pouco mais de R$1milhão para melhorias e modernização da Guarda Municipal de São José dos Pinhais.
Os recursos são provenientes do Ministério da Justiça, através de acordo com a Prefeitura de São José dos Pinhais. Eles serão utilizados para a compra de equipamentos de uso diário, desde uniformes, incluindo itens como gandolas (blusas do uniforme), calças, jaquetas para motociclistas, coletes e caneleiras; além equipamentos para condicionamento físico, através da compra de aparelhos para montar uma academia com esta finalidade; entre outros.
De acordo com o secretário municipal de Segurança, Marcelo Jugend, essa verba já era esperada desde 2010, quando o município iniciou os projetos do Programa Nacional de Segurança com Cidadania (Pronasci). “Nesta época já havia um projeto para equipar e modernizar a Guarda Municipal, que chegou a ser aprovado e estava tudo pronto para o recebimento dos recursos, faltava a assinatura do empenho”, explica Jugend.
Com as mudanças na gestão do Governo Federal no início de 2011, o recurso do projeto acabou sendo perdido. “Neste ano surgiu uma nova oportunidade e o projeto foi reapresentado e aprovado novamente”, conta o secretário.
O convênio deve chegar nas próximas semanas, quando serão abertas as licitações para a compra dos equipamentos da Guarda Municipal, que vão garantir a melhoria da segurança e também da qualidade de vida dos agentes.
Fonte: agoraparana.uol.com.br

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Guarda de Americana/Gama registra aumento de 39,22% no número de ocorrências e atendimentos





A Gama (Guarda Municipal de Americana) registrou o pico de 4.763 números de atendimentos e ocorrências registrados em agosto deste ano. Foi maior já 

registrado pela corporação. Desde o começo de 2012 foram 34.417 atendimentos à população registrando o aumento de 39,22% em comparação com o mesmo período de 2011.
O aumento dos números reflete na intensificação do Gama Protege nos bairros de Americana. "As atividades estão sendo realizadas para manter a sensação de 
segurança da população, que quer aproveitar os dias quentes para sair de casa", comentou Adilson Dias Bicalho, diretor-comandante da Gama.
Segundo ele, os bairros são definidos de acordo com levanta mento de ocorrências ou denúncias que chegam diariamente à corporação através do telefone 153. O 
Gama Protege conta com a participação do efetivo operacional, GPA (Grupo de Proteção Ambiental), Canil e Romep (Ronda Ostensiva Municipal Especial Preventiva). 
De acordo com as estatísticas, agosto de 2012 fechou o mês com 17 prisões em flagrantes, que resultaram em 38 presos e dois menores encaminhados ao Naia.

fonte gcm Carlinhos Silva

Vídeo Monitoramento flagra vândalos destruindo lixeiras na Av S. Carlos.


Três estudantes foram flagrados ao destruírem nove lixeiras da principal avenida de São Carlos (SP), na madrugada deste sábado (8). Um deles tem 16 anos e os outros dois têm 18. As imagens do vandalismo foram gravadas pelo sistema de monitoramento da Guarda Municipal que chegou a tempo de abordar os jovens. O prejuízo pode passar de R$ 3 mil.

A equipe que flagrou toda a ação, por meio de uma câmera localizada na Avenida São Carlos, acompanhou os jovens até a chegada da viatura da GM. No momento da abordagem, eles negaram que tinham destruído as lixeiras. Mas no plantão policial, ao saber que tinham sido filmados, confessaram a ação.
Eles disseram que viram outras pessoas chutarem e começaram a fazer o mesmo. Segundo a GM, eles tinham acabado de sair de um estabelecimento comercial e carregavam uma sacola com bebidas alcoólicas.
O menor foi levado para o Núcleo de Atendimento Integrado (Nai) e os dois jovens foram para a Cadeia de São Carlos e vão responder por dano ao patrimônio público.

link do vídeo http://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/2012/09/gm-flagra-jovens-ao-destruirem-nove-lixeiras-no-centro-de-sao-carlos-sp.html

fonte www.G1.globo.com

domingo, 2 de setembro de 2012


Dois guardas municipais de 33 e 36 anos respectivamente, viveram momentos de pânico na manha deste sábado, 1º, após serem agredidos por cerca 15 pessoas no Jardim Gonzaga.

O caso ocorreu na avenida Maranhão. Os guardas A.B.T., 36 anos e D.F.O., 33 anos, estavam indo realizar atendimento de alarme acionado na Unidade da Saúde da Família (USF), e próximo a uma praça foram cercados por 15 pessoas.
Os populares partiram para cima da guarnição e começaram agredi-los.
A.B.T ficou ferido e teve a sua moto danificada. Seu parceiro D.F.O., 33 anos não sofreu ferimentos e ambos pediram apoio de outras viaturas e da Policia Militar.
Nenhum suspeito foi detido. A ocorrência foi registrada no plantão policial.

Fonte Jornal Primeira página.

"Qando se têm pessoas despreparadas para comandar, e sem o mínimo de preocupação com a integridade física dos seus subordinados da nisso... por Deus não aconteceu algo pior.... até quando nós Guardas Municipais vamos assistir a isso e achar que é normal??? já passou da hora de nos unirmos e reivindicar aquilo que é direito nosso e está amparado na Carta Magna de nosso País... Vamos lutar pelos nossos direitos e pela nossa integridade física."

trecho entre aspas de autoria do idealizador deste blog.



sábado, 25 de agosto de 2012

Reunião com o candidato Oswaldo Barba do PT.

Na noite desta sexta-feira 24/08/2012, guardas municipais participaram da reunião com o candidato do PT Oswaldo Barba.
Infelizmente a reunião não teve a atenção necessária do candidato do PT, com muita pressa, o mesmo encurtava as explicações dos GMs.
O Lamentável é ver que o candidato não tem o conhecimento necessário sobre o que é segurança pública municipal e em conseqüência o que é Guarda Municipal.
Pois se até a EPTV, filiada a Rede Globo de televisão, tratou o assunto segurança pública no âmbito municipal, por se tratar de eleições municipais, então porquê o candidato falava em segurança pública falando na atuação do Estado???
E convenhamos senhor candidato, dizer para os guardas que usar arma é arriscado??? isso já sabemos e por isso queremos treinamento constante, algo que não acontece faz tempo. E devemos lembrar que ao mesmo tempo que a arma traz riscos ela também traz segurança para o agente que arrisca sua vida na defesa da população local.
Na situação em que nos encontramos a 12 anos, "eu prefiro acreditar em promessas de mudança e melhoria, do que na certeza  que nada mudará."
Agradecemos mais uma vez aos que compareceram e ajudaram no debate, e ao contrário da primeira reunião em que o GM Napolitano mostrou tudo o que queríamos para o candidato do PSDB, o mesmo não conseguiu desenvolver o trabalho por intervenções do candidato do PT, mas mesmo assim o GM consegui novamente um belo trabalho apesar da impaciência do candidato.
Agradecer a participação dos GMs que indagaram o candidato com vários anseios da nossa corporação, auxiliando o GM Napolitano, pois sabemos que não é fácil.
Mas a luta tem que continuar, independente do prefeito que se eleger, temos que ter a certeza que somos capazes de conseguir nossos objetivos, basta nos unirmos.

"NENHUM DE NÓS É TÃO BOM QUANTO TODOS NÓS JUNTOS"
   

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Reuinião com o candidato Paulo Altomani do PSDB

Na Noite de Ontem 24 de agosto de 2012, realizou-se a reunião com o candidato do PSDB Paulo Altomani.
Demonstrando grande conhecimento sobre o assunto os guardas municipais, mostraram com estatísticas que é possível se fazer segurança pública Municipal com qualidade.
Primeiramente, agradecer ao Candidato a vereador e GM Sergio Santos pelo empenho em marcar esta reunião, relatar a presença do candidato a vereador e GM Rossi, e o empenho dos que puderam ajudar a elaborar a pauta que foi apresentada ao candidato.
Agradecemos também aos que se fizeram presente nesta reunião, e que auxiliaram sempre que necessário o GM Napolitano, que encarou o desafio e mostrou com muita competência o potencial de nossa GM.
Agradecemos a atenção do senhor Paulo Altomani, que se mostrou muito interessado no assunto "segurança pública municipal", e prometeu empenho para conseguir melhoras nas condições de serviço se o mesmo for eleito. Este é o Plano Geral da Guarda Municipal de São Carlos.



PLANO GERAL GUARDA MUNICIPAL SÃO CARLOS:
ü  Criação da divisão de patrulhamento comunitário;
ü  Criação da secção de patrulhamento escolar;
ü  Criação da divisão da divisão de patrulhamento padrão;
ü  Criação do núcleo de inteligência;
ü  Criação da guarda ambiental;
ü  Criação do grupamento de segurança a dignitários;
ü  Criação da divisão administrativa;
ü  Criação da guarda patrimonial;
ü  Criação da ROMU (rondas ostensivas municipais);
ü  Criação do canil da GM;
ü  Ampliação do sistema de monitoramento;
ü  Criação do centro de formação de guardas;
ü  Implantação do RETP;
ü  Aumento no percentual do risco de vida;
ü  Troca do sistema de rádio;
ü  Troca do sistema de alarme;
ü  Ampliação da base (vestiários maiores e um amplo refeitório);
ü  Uma troca de farda por ano;
ü  Aquisição de viaturas novas;
ü  Criação da Secretária Municipal de Segurança Pública;
ü  Todos os cargos de chefia serão ocupados por guardas municipais de carreira;
ü  Armamento letal não letal;
ü  Fiscalização dos sons (decibelimetro);
ü  Nomeação de guardas como agente de trânsito;
ü  Seguro de vida;
ü  Revisão do plano de carreira;
ü  Criação de uma base no terminal rodoviário;                                                                                                              







sexta-feira, 10 de agosto de 2012

PROVA PRÁTICA DE TIRO E TESTE PSICOLÓGICO PARA REGISTRO DE ARMA.

Hoje 5 Guardas Municipais de São Carlos, realizaram o teste psicológico e prova prática de tiro para registro de arma de fogo. Assis, Risomar, Finéias, Daniel Fernando Pradella, e Paulo Fajardo... Um dia muito divertido e proveitoso, junto com o instrutor da GCM de Limeira, credenciado da PF, e da Psicóloga Margarete.






segunda-feira, 2 de julho de 2012


MAIS SEGURANÇA PARA VOCÊ E SUA FAMILIA
A FAVOR DO ARMAMENTO DA GUARDA




Uma Guarda Municipal armada tem condições de trabalhar em prol da segurança da população de sua cidade. Basta fazer uma pesquisa nas cidades onde essas corporações já o são, como Botucatu, Araras, Americana, Jundiaí, etc.
Para se tornar armada, os integrantes da G.M. deverão ser considerados aptos em exame psicológico realizado por psicólogo credenciado pela Polícia Federal, alem de passar por um extenso e rigoroso treinamento. Sem isso, a P.F. não autoriza o                                Prefeito a armar sua G.M.
O custo para se manter uma G.M. bem treinada e bem equipada, pronta para atender as necessidades da população, a exemplo das cidades onde já é assim, tem sido assumido pelo Governo Federal através de programas como o PRONASCI, portanto a prefeitura não gastará nada a mais por armar a G.M. e a manter bem treinada, pois bastará apresentar projetos ao Ministério da Justiça para receber o dinheiro necessário para realiza-lo, como por exemplo aconteceu com o monitoramento por câmeras que vem sendo instalado aqui mesmo em São Carlos, que foi verba do Governo Federal liberada para adquirir e instalar as câmeras bem como treinar os G.M.’s que farão o  monitoramento.
O maior patrimônio de uma cidade e que deve ser protegido de todas as formas possíveis é sua população. Hoje a G.M. São Carlos não está em condições de se autoproteger, quiçá os cidadãos de nosso querido município, trabalhando desarmados e expostos aos perigos da profissão sem ferramentas  apropriadas para defender-se.
Todos sabemos das dificuldades da P.M. para atender todas as solicitações que lhes são feitas, a G.M. estando armada poderá auxiliar a atender as necessidades dos munícipes tornando nossa cidade um lugar mais seguro para vivermos.
Vivemos com medo da insegurança e os índices de criminalidade e violência tem subido cada vez mais em nossa cidade. Os países desenvolvidos, onde os índices de violência são quase nulos, como o Japão por exemplo, alguns agentes de segurança trabalham desarmados, porem não podemos tapar o sol com peneira, pois estamos longe de ser uma sociedade segura e livre de violência, sendo necessário que todos os agentes de segurança pública estejam bem treinados e equipados para fazer frente a violência e trabalhar para fornecer uma cidade mais segura as pessoas.
Queremos trabalhar com dignidade e ter condições de nos defender caso seja preciso. Poder deixar nossos familiares um pouco mais tranquilos quando saímos para trabalhar, pois saberão que ao menos teremos condições de nos defender.
Por tudo que foi dito, nos Guardas Municipais de São Carlos somos a favor do armamento e pedimos que nos apoiem nessa luta.

sábado, 23 de junho de 2012

Guarda Municipal Desamparada pela Administração Municipal.

Onde anda o senhor Prefeito Oswaldo Barba... será que ele reside em São Carlos??? e seu Braço direito Rosoé, onde anda???? Na praça Coronel Salles tenho certeza que não estavam.
Enquanto o senhor prefeito decide sentado na tranquilidade de seu gabinete, junto com o comando da GM e PM o que deve ser feito na praça Coronel Salles, têm Guardas com ferimentos na cabeça, nas mãos e por Deus não teve coisa pior.
Enquanto a administração paga com nosso dinheiro, aluguel de som, guardas municipais e combustível para fazer essa festinha na praça, onde o que se vê é menor consumindo álcool e drogas, eu pergunto: Qual é o verdadeiro benefício desta baderna??? se é que tem algum... basta pegar as matérias dos principais sites de notícias de nossa cidade para ver que não há, que a opinião da grande maioria é pelo fim desta baderna.
Mas no gabinete está tudo tranquilo, lá não voa pedra nem garrafa, enquanto usa dinheiro para essa finalidade, os guardas andam sem coletes balísticos, sem EPIs e são obrigados a irem lá tomar pedradas.
Este é o respeito do PT com a nossa Guarda Municipal, o que mais me incomoda é ouvir destas pessoas,
que não armam a Guarda Municipal pois acham que pode sair alguma besteira, me desculpem a sinceridade mas a besteira já foi feita pela minoria que elegeu este partido.
                                     viatura com o vidro traseiro quebrado.
                                      objetos jogados contra os GMs


Fica aqui o meu desabafo com a falta de investimento na Guarda Municipal de São Carlos, e pela falta de coragem do senhor prefeito de bater no peito e dizer eu vou armar a GMSC, para governar tem que ter coragem. 


"Nós Guardas Municipais que gostamos do que fazemos, não iremos abaixar a cabeça, mas também não aceitaremos mais está situação"


RODRIGO CEZAR ASSIS
SERVIDOR DA GUARDA MUNICIPAL SÃO CARLOS-SP.

terça-feira, 12 de junho de 2012

Futuros Guardas Municipais vão a prefeitura para obter respostas sobre contratação.


Cerca de 15 aspirantes a Guarda Municipal estiveram na manhã desta terça-feira em frente ao paço municipal de São Carlos-SP.
Os futuros Guardas queriam informações sobre a contratação dos cerca de 30 Guardas que passaram em todas as fases do concurso e ainda não foram chamados para ocupar o cargo.
Em contato com alguns representantes dos futuros GMs, foi constatado que para a realização do curso de formação, com duração de três meses, os aspirantes ao cargo tiveram que pedir demissão do serviço em que estavam, e após o curso a prefeitura contratou apenas 40 GMs e cerca de30 GMs ainda estão desempregados a espera do cargo.
Em reunião com o Secretário de Governo João Batista Muller, foi informado aos representantes que a intenção do secretário é de que essa convocação aconteça até o final de julho, para que haja uma redução de custos, pois devido a demanda e a recente saída da empresa terceirizada de vigilância, a prefeitura está pagando horas extras para cobrir estes postos. Muller ressaltou que é mais barato contratar novos GMs do que pagar horas extras.
Muller disse ainda que conversará com os responsáveis pelo setor de pessoal para ter uma posição e então repassar para a comissão.
Vale ressaltar que o custo com a contratação dos novos Guardas já estava prevista no orçamento anual.
Deixo aqui os meus parabéns aos que estiveram presentes para reivindicar seus direitos, e também um agradecimento ao secretário João Batista Muller, que sempre recebe muito bem os integrantes da Guarda Municipal. 

segunda-feira, 11 de junho de 2012

Homem é preso com réplica de revólver dentro de escola no Cruzeiro do Sul





A Guarda Municipal deteve na manhã desta segunda-feira (11) o desocupado C.P.L., de 27 anos, que estava em posse de uma réplica de um revólver no interior da escola municipal Otávio de Moura, no bairro Cruzeiro do Sul.
Os GMs Helder, Andréia, Reginaldo e Cleber, chegavam na escola, quando avistaram o suspeito dormindo no local. Ao revistá-lo, os guardas acabaram encontrando uma réplica de arma de fogo, um rádio comunicador, uma faca, um cachimbo e fitas crepe que foram furtadas da escola.
 C.P.L., foi encaminhado ao 2º DP. onde foi autuado em flagrante e recolhido ao Centro de Triagem de São Carlos.
fonte: São Carlos agora

quinta-feira, 31 de maio de 2012

Aprovado relatório sobre regulamentação das Guardas Municipais.


                            Deputado Federal Fernando Francischini, relator do projeto.

Nove anos depois, mais de dez relatórios rejeitados e, nesta quarta-feira (30), a Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado da Câmara dos Deputados aprovou, por unanimidade, o relatório do deputado Fernando Francischini, do PSDB do Paraná, pelo Projeto de Lei 1.332/2003, de autoria do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB/SP).
Durante a leitura do relatório, o relator ressaltou que o texto foi trabalhado em conjunto com os membros da Comissão de Segurança e com a Secretária Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça. “O texto avançou e finalmente aprovamos uma regulamentação para este importante segmento social que vai refletir positivamente na segurança pública de nosso país”, disse Francischini.
Segundo o deputado, a lei vai permitir que os guardas municipais exerçam suas atividades em harmonia com as Polícias Militar, Civil e Federal, em trabalho conjunto e integrado, proporcionando maior eficácia na manutenção da ordem pública. Francischini destacou como principais pontos do projeto, a segurança jurídica dos profissionais no exercício de suas funções e o aumento na prevenção da criminalidade.
Muitos servidores das guardas de diversos municípios brasileiros estiveram na reunião ordinária da comissão aguardando leitura e aprovação do relatório.
Fonte: http://fernandofrancischini.com.br/noticias/aprovado-relatorio-de-francischini-sobre-regulamentacao-das-guardas-municipais


sábado, 26 de maio de 2012

Vereador Ronaldo Lopes apoiou os Guardas Municipais de São Carlos na ida a Brasília



"É uma satisfação muito grande apoiar a categoria, pois apóia-los faz parte de minha própria origem. Nada melhor do que a corporação saber o que necessita. Ajudá-los faz parte do cumprimento de meu mandato", explica Ronaldo.
Ronaldo ressalta que a participação da Prefeitura foi fundamental para que os guardas pudessem estar em Brasília. "A Prefeitura teve a sensibilidade em apoiar os guardas para que conquistem os seus direitos", menciona.
O Deputado Federal Vicentinho, que preside a Frente Parlamentar Pró Guardas Municipais, declarou que essa manifestação é muito importante, quando a categoria esta unida, chama a atenção dos parlamentares. "Tem uma parte resistente à regulamentação, mais estamos na briga para que seja aprovada", conclui.
Em São Carlos cerca de 20 profissionais foram representar os guardas municipais da cidade em Brasília para lutar pelos seus direitos. "Desde da primeira Marcha, nós participamos e a cada ano a adesão dos profissionais tem aumentado", disse o guarda municipal Rodrigo Cezar Assis.
De acordo com Assis, a participação do vereador Ronaldo foi muito importante, pois ele cedeu o ônibus para que os profissionais pudessem estar presentes no evento. "Nós percebemos que a nossa luta esta dando resultado, pois mais deputados estão nos ouvindo e estão de acordo com a regulamentação", completa Assis.
PEC 534/02- A luta dos Guardas Municipais é para que consiga dar mais segurança a população. Uma das reivindicações é que eles passam a ter poder de policia. Desde 2002, o Congresso discute o projeto que visa legalizar e definir o que as Guardas Municipais podem ou não fazer. Ainda não há data para a votação definitiva da proposta. 
"Ressalto que esta conquista teve a participação de outros guardas municipais que assim como eu GM Assis, não vão desistir enquanto não conseguirmos nossos ideais. Parabenizo aqui os GMs Napolitano, Sergio Santos, Risomar e Rossi que estiveram presentes na câmara para fazer as reivindicações aos vereadores, ao GM Rogério que nos atualiza sobre os assuntos da câmara. Agradeço ao comandante Tozzato, por conseguir a liberação e a diária junto a administração. A todos os guerreiro que foram até Brasília, são eles:"
NAPOLITANO
RISOMAR
SEBASTIÃO OLIVEIRA
ADIEL
SERGIO HERMANN 
EDUARDO AKIRA 
SEGIO SANTOS 
GOMES 
REINALDO ROSSI 
MARIZA SILVA 
NIVALDO 
JORGE  OLIVEIRA
SUZANA 
MARIA LÚCIA
ASSIS 
LILIANE 
MARCELO RODRIGUES 
LEANDRO PINHEIRO 
SILVIA 

fonte: www.saocarlosdiaenoite.com.br

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Fotos e vídeo IV Marcha Azul Marinho - Brasília-DF


                                 



video
Entrevista concedida a EPTV Central



















Guardas municipais da região participam de protesto em Brasília


Guardas municipais da região foram a Brasília nesta quarta-feira (23) para protestar pela regulamentação da profissão. Uma das reivindicações é o uso de armas.
Ao todo, 31 guardas municipais de São Carlos,Araraquara e Matão (SP) participaram da 4ª marcha “Azul Marinho”, juntamente com corporações de todo o país. “É cuidar das pessoas. Estender as atribuições das guardas municipais para cuidar da população”, disse o organizador da marcha, Maurício Naval.
Os manifestantes saíram da Catedral em direção ao Congresso Nacional para pressionar os parlamentares a votarem a Proposta de Emenda à Constituição (PEC). Desde 2002, o Congresso discute o projeto para legalizar e definir o que as Guardas Municipais podem ou não fazer. 
Atualmente, a GM trabalha para a proteção de bens, serviços e instalações das prefeituras. Agora, eles querem ser incluídos na proteção de pessoas também. “No nosso caso específico estamos trabalhando desarmados e fazendo várias ocorrências como atendimento de alarmes, Conselho Tutelar, então envolve muito risco”, explicou o guarda municipal de São Carlos-SP Rodrigo Cezar Assis.

Se a PEC for aprovada, passa a ser obrigatório o uso de armas na profissão, uma das principais reivindicações da classe. “O cidadão que vê uma viatura vai pedir ajuda e desarmados fica quase impossível poder ajudar”, disse Assis.
Depois da caminhada, os guardas assistiram a um seminário com participação de parlamentares para discutir a importância da profissão e contribuir para a votação da PEC.


terça-feira, 22 de maio de 2012

Homem é detido após furtar objetos de túmulos no cemitério Nossa Senhora do Carmo



A Guarda municipal deteve por volta das 17h15 desta segunda-feira (21) um homem de 31 anos que estava furtando objetos de túmulos no interior do cemitério Nossa Senhora do Carmo.
Os GMs Nivaldo e Bolnelli faziam patrulhamento, quando avistaram A.S, pegando argolas de bronze de alguns túmulos. Antes do acusado sair do local,  ele foi abordado pelos guardas que encontraram os produtos de furto dentro de uma pochete.
A.S, foi encaminhado ao Plantão Policial onde foi qualificado em Boletim de Ocorrência e liberado após prestar esclarecimentos.
Os produtos furtados foram devolvidos a um responsável pelo cemitério. 
"Parabéns aos GMs Bonelli e Nivaldo."
fonte sao carlos agora.com.br

terça-feira, 15 de maio de 2012

Monitoramento: empresa inicia instalação de postes de sustentação de câmeras

A empresa responsável pela instalação da central de monitoramento por câmeras deu início à instalação dos postes que receberão as câmeras e demais componentes eletrônicos. A previsão é que até o final de junho, numa primeira etapa, os equipamentos estejam em operação, em fase de testes.

O prefeito Oswaldo Barba, o secretário de Governo, João Muller, o superintendente das Administrações Regionais, João Pedrazzani e o comandante da Guarda Municipal, João Luiz Tozzato, estiveram na esquina da avenida Carlos Botelho com rua Episcopal, na última sexta-feira (11), acompanhando a primeira instalação externa.

"Já investimos R$ 100 mil para a readequação do prédio da Guarda Municipal, que abrigará a central de monitoramento, que está se tornando viável graças aos investimentos do Ministério da Justiça, por meio do Pronasci, o Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania", ressaltou o prefeito Oswaldo Barba.

Foram investidos R$ 700 mil na instalação das 20 câmeras, que serão operadas pela Guarda Municipal. As polícias Militar e Civil são parceiras no projeto de monitoramento, que visa oferecer mais segurança ao cidadão.

Já existe um estudo para integrar outras quatro câmeras à central, que também auxiliará órgãos como Secretaria de Transporte e Trânsito, para detectar possíveis pontos de congestionamento na cidade, e Defesa Civil em ocorrências que necessitem de intervenção dos agentes do departamento.

A princípio serão monitorados os seguintes locais: avenida São Carlos x rua General Osório, avenida São Carlos x rua Jesuíno de Arruda, avenida São Carlos x rua Major José Inácio, Episcopal x Conde do Pinhal, Episcopal x Geminiano Costa, Episcopal x Sete de Setembro, Dona Alexandrina x Conde do Pinhal, avenida São Carlos x XV de Novembro, Episcopal x Carlos Botelho, José Bonifácio x XV de Novembro, Visconde de Inhaúma x Carlos Botelho, XV de Novembro x Capitão Adão Pereira da Silva Cabral, Paulino Botelho de Abreu Sampaio x Doutor Carlos Botelho, Nove de Julho x Marechal Deodoro, Dr. Teixeira de Barros x Desembargador Julio de Faria, Pádua Salles x João Lourenço Rodrigues, Sallum x rua Itália, avenida Dr. Francisco Pereira Lopes x Comendador Alfredo Maffei, Luiz Vaz de Camões x Prof. Luiz Augusto de Oliveira e avenida Getúlio Vargas x avenida Dr. Heitor José Reali (Rotatória do Cardinalli).



fonte prefeitura de São Carlos-SP